Museu de rua de Miami

Um espaço que tem se mostrado bem importante para street art é o Wynwood Walls. Idealizado por Tony Goldman, o projeto começou em 2009 na região homônima, situada na turística Miami. Goldman percebeu que o lugar, cheio de galpões e com pouquíssimas janelas, fazia de seus muros telas enormes. O conceito sempre foi valorizar expressões…

Entre o graffiti e o design

James Reka, vulgo RekaOne, começou a fazer graffiti em 2002 nos becos e linhas de trem dos subúrbios de Melbourne, Austrália. Especialista em criar personagens dinâmicos compostos de diferentes formas e cores, RekaOne logo ganhou respeito e projeção na cena local, e hoje seu trabalho é exibido em galerias do mundo todo. Autodidata em seu…

Rim fora das telas

Para os que acompanham a Zupi desde seus primórdios, o curitibano Rimon Guimarães é um velho conhecido. O Rim, como é conhecido no meio artístico, já teve seus trabalhos publicados na Zupi #3. Como a publicação já rodou a praça há algum tempo – atualmente está esgotada – e hoje é o Dia do Graffiti,…

Por menos espelhos

Por menos espelhos e por mais arte, a MaxHaus apresenta, com curadoria da Zupi, empreendimentos com elevadores que são, na verdade, galerias de arte. Um momento que costuma ser monótono passa a ser curioso e mágico, dispensando os tradicionais comentários sobre o clima, já que os antigos espelhos deram lugar à murais feitos por artistas…

Mural coletivo em Limeira

27 de março  é comemorado no Brasil o Dia do Graffiti. Em homenagem à tão ilustre data, falamos hoje somente de street art na Zupi. Para começar, novas cores na cidade de Limeira. Os artistas Alma, Speed, Zéh Palito e Medo e Demência deixaram o município do interior paulista mais colorido, olha só:   Alma…